É totalmente grátis, para você receber dicas capitais que poderão alavancar o seu sucesso no mercado digital

Os desafios do empreendedor: assuma suas responsabilidades

http://bit.ly/yabtw – Os desafios do empreendedor: assuma suas responsabilidades.

Leia mais: http://bit.ly/1gM0roL

Neste vídeo, Erico Rocha fala como superar os diversos desafios do empreendedor. Confira:

Começando como vítima

Erico reclamava bastante do Brasil, e isso era algo frequente durante a abertura de sua primeira empresa, que trabalhava com leilões de imóveis. Reclamava da tributação do Brasil, da divisão do salário mínimo, da dificuldade de achar bons profissionais e do tempo de abertura de uma empresa, entre várias outras coisas.

É aí que você se categoriza como vítima. Mas o que é uma vítima? Neste caso, é uma pessoa que sofre várias influências externas e acaba sendo prejudicada por isso de alguma forma. A vítima só sabe reclamar, dizer que é o alvo e apontar quem está dando problemas para ela.

Durante uma curso em Londres, Erico ouviu a seguinte frase: “Você vai continuar reclamando, vai continuar na posição de vítima. Mas quando você está nessa posição não há nada que possa fazer”. É aqui que você tem duas escolhas: continuar sendo vítima, sem ter poder nenhum sobre aquilo que lhe afeta, ou tornar-se responsável.

Como ser responsável

“Vou ser responsável pela tributação do Brasil, pela falta de ferramentas disponíveis?”, perguntou Erico. Foi então que ele ouviu a seguinte resposta: “Não é responsável no sentido de ser culpado por isso, mas no sentido de você poder fazer alguma coisa a respeito”.

Ou seja, ser responsável significa encontrar uma situação que possa ser aplicada dentro da realidade em que você vive. Se você está abrindo uma empresa no Brasil e precisa lidar com toda a carga tributária e processo jurídico do país, tudo bem. O que você precisa fazer é pensar em uma forma de otimizar o seu tempo e dinheiro dentro desse ambiente. Para isso, você pode estipular um novo processo de recrutamento de pessoas ou criar novas ferramentas para melhorar cada vez mais seu trabalho, entre várias outras medidas.

Erico, por exemplo, conseguiu adotar novos procedimentos e criar ferramentas para otimizar os resultados de sua empresa. O Klickmail e o Klicksites são duas ferramentas que nasceram a partir disso. Ele ainda ressalta que estas duas, além de ajudarem nos seus negócios, foram transformadas em produtos, mas que há outros métodos e ferramentas que ele usa que não são conhecidos pelo público.

Claro, isso dá mais trabalho, pois você sai de uma posição de crítico que só aponta problemas para alguém que os encara e tenta resolvê-los. A responsabilidade é grande e pesa, mas carregá-la nas costas pode valer a pena.

Faça um exercício

Você reclama bastante? Reclamar não é um problema. O problema está em perceber o erro e continuar somente reclamando. Comece a distinguir as horas em que você é vítima e as horas em que você é o responsável. Não precisa nem agir no primeiro momento. Basta distinguir, pois esse é o primeiro passo. Você poderia passar a ser o responsável por alguma das coisas de que atualmente você é vítima? Como disse Roberto Shinyashiki: “Quem quer fazer alguma coisa, encontra um meio. Quem não quer fazer nada, encontra uma desculpa”. Tente e descubra.

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.